Rejuvenescimento íntimo - genital

intimofoto

 

Por Dra. Milena Zanella

 

Ano Novo – Tratamentos Novos

2017 começa com grandes Congressos de Dermatologia e no primeiro deles estive presente, o IMCAS em Paris, um dos maiores congressos mundiais de Dermatologia Cosmiátrica e Estética.

Neste congresso todas as aulas são voltadas para a parte da beleza da pele, cabelo e corpo. São apresentadas novas tecnologias, novidades em produtos injetáveis, cremes e também novas formas de aplicar tratamentos consagrados, como toxina botulínica, preenchimentos e lasers. Claro, porque é possível com o mesmo laser/produto ter diversos resultados. O que mais importa é quem está aplicando a máquina ou o produto, por isso sempre falamos que resultados são “operador dependente”!!! É por isso e pelo amor à dermatologia que adoro participar dos melhores eventos de atualização científica do mundo. Foram 4 dias de aulas, então imaginem quantas coisas novas vem por aí.

Assisti incontáveis horas de aulas de anatomia, preenchimentos faciais e corporais, fios de sustentação, toxina botulínica, intradermoterapia, lasers para flacidez, manchas, cicatrizes, estrias, melasma, rugas e rejuvenescimento em geral. Nesta coluna vou escrever sobre algo importante e que chamou minha atenção: o tratamento para rejuvenescimento vaginal ou íntimo.

O tratamento íntimo não é uma novidade mas é um assunto que vem crescendo muito dentro do nosso dia a dia pelo seu benefício nos aspectos funcional, estético e sexual. O uso de laser para melhora da região genital está presente no Brasil há aproximadamente 3 anos e faz parte da nossa clínica desde então. Neste congresso, uma sala especial foi designada para falar somente dele durante os 4 dias do encontro. Só por este motivo já da pra perceber a importância que está tendo na vida de todos nós.

É um tratamento que pode ser feito em qualquer idade sendo mais procurado por mulheres após a menopausa. É indicado para melhorar a parte estética genital, como flacidez e escurecimento e também a parte funcional tratando queixas como prurido/coceira, ressecamento do canal vaginal – que pode levar a dor e sangramento durante o ato sexual – e incontinência urinária em graus leves. O tratamento é totalmente indolor e os resultados não demoram a aparecer. Pode ser feito apenas na região externa, interna ou ambas.

A indicação dos procedimentos é definida após avaliação médica dermatológica ou ginecológica. Preenchimentos, peelings e alguns aparelhos de radiofrequencia como o Exilis Elite podem ser associados. Tudo para melhorar a qualidade de vida das mulheres.

O tratamento a laser da região interna consiste em 4 sessões mensais e não há tempo de recuperação. A paciente pode sair da sessão de laser e fazer todas as suas atividades normalmente, assim como após os outros procedimentos acima citados. Preenchimentos e radiofrequencia promovem resultados imediatos. A aplicação do ácido hialurônico para redefinição dos grandes lábios genitais é geralmente feita em sessão única. Indicamos 4 a 6 sessões de Exilis para a flacidez de grandes e pequenos lábios vaginais com intervalos de 7 a 15 dias entre elas. Já a necessidade dos peelings varia com o grau de hiperpigmentação/manchas e a resposta individual de cada paciente, podendo ser repetidos semanalmente.

O motivo de tanta procura?

A expectativa de vida aumentou. Mulheres de 50-60 anos ou mais são ativas, trabalham, fazem academia, viajam, cuidam da saúde, do envelhecimento da face, pescoço, colo, mãos e perceberam que a região genital não está acompanhando este cuidado. Algumas vezes são viúvas, outras estão em um segundo relacionamento, ou ainda no primeiro casamento, e sentem a necessidade de melhorar a região íntima.

Posso dizer que não há uma paciente que faça o tratamento que não encaminhe todas as amigas para a clínica! E isso me deixa muito feliz por sentir a diferença que nós dermatologistas estamos fazendo na qualidade de vida das pessoas com os estudos e a evolução neste tipo de cuidado!